Consulta Alunos  

Imprimir

Trilho da Floresta (turmas do 5ºano da Escola Básica de Maceda)

Escrito por Webmaster. Publicado em EB 2,3 de Maceda

E depois de uma longa espera de quatro semanas, mas num belo dia de sol, lá tivemos oportunidade de fazer o PR1 - Trilho da Floresta com os valentes alunos do 5.º G e 5.º H, que demonstraram um enorme entusiasmo e alegria. Saímos da escola às 14h de sexta-feira, 30 de abril, mais uma vez num autocarro gentilmente cedido pela Junta de Freguesia de Maceda, com todos os alunos devidamente equipados e preparados! Iniciamos o percurso às 14.30h com o mapa, bússola e Wikiloc ligado e terminamos às 17h depois de todos se terem embrenhado na floresta, colocando à prova as suas capacidades de reconhecer a fauna e flora locais, a sinalética associada à identificação do percurso e gerindo as suas energias nos vários desníveis, obstáculos e diferentes tipos de piso. Foram 6,70 km deste Percurso Circular de Pequena Rota muito bem percorridos!

Imprimir

“A Maior Flor do Mundo” e o PCT do 6ºH (Escola Básica de Maceda)

Escrito por Webmaster. Publicado em EB 2,3 de Maceda

No âmbito do Centenário de José Saramago, foi inaugurada a Instalação “A Maior Flor do Mundo”, no passado dia 12 de abril, na Escola Básica de Maceda, estando presentes os alunos da turma, a direção do agrupamento, professores, auxiliares da ação educativa, encarregados de educação e representantes da autarquia. Trata-se de um projeto conjunto entre a turma do 6ºH, a biblioteca e o professor de educação visual/ tecnológica, Belmiro Carvalho. Foi feita uma leitura da obra homónima, bem como uma referência à vida e obra de José Saramago, e assistiu-se à atuação dos alunos que frequentam o ensino articulado de música. Foi ainda apresentado um vídeo que expõe as atividades em que os alunos participaram ao longo do ano letivo e que integram o seu Plano Curricular de Turma.

A diretora de turma,

Anabela Soares

https://youtu.be/g4VyBIzQtNI 

Imprimir

Trilho da Floresta

Escrito por Webmaster. Publicado em EB 2,3 de Maceda

Foi com muito entusiasmo, apesar da ameaça de chuva, que os alunos do 6ºG e 6ºH, percorreram, na manhã de quinta-feira (07 de abril) os quase 7 quilómetros do Trilho da Floresta, dando início à primeira atividade do Eco-Trilhos / Eco-Escolas! A saída foi feita da escola, cerca das 9:30h da manhã num autocarro gentilmente cedido pela Junta de Freguesia de Maceda. Todos os alunos (e professores) levaram a sério as indicações e apresentaram-se devidamente equipados e preparados para a aventura: mochila "de ataque", sapatilhas ou botas, calças compridas para evitar arranhões, camisolas quentes e leves e, claro está, casaco impermeável - não fosse o céu pregar partidas! Depois da chegada ao local vieram as primeiras indicações e regras de segurança, que todos ouviram com muita atenção. Iniciou-se o percurso às 9:50h com mapa, bússola e Wikiloc ligado. E durante as quase três horas de atividade os alunos tiveram oportunidade de se embrenhar na floresta e de vivenciar e colocar à prova as suas capacidades de reconhecer a fauna e flora locais, a sinalética associada, fazer a identificação do percurso e gerir as suas energias em desníveis, obstáculos e diferentes tipos de piso; ninguém ficou para trás! O percurso de regresso foi feito a partir da Estrada Florestal onde os alunos puderam observar e perceber a diferença de sinalética entre percursos de Pequena Rota (PR) e percursos de Grande Rota (GR).

Esta saída foi a primeira ação no âmbito do projeto Eco-Trilhos / Eco-Escolas - a desenvolver este ano letivo - que pretende incentivar o conhecimento do território próximo da escola, através da criação de percursos ou trilhos que deem a conhecer o património e, assim, promover a sua preservação e regeneração. O próximo passo será fazer o levantamento de locais de interesse nas freguesias de Maceda e Arada para que se possa "desenhar" um trilho próprio! Para isso, o programa Eco-Escolas conta com a ajuda e o envolvimento de todos!

VER VÍDEO

Imprimir

Os Presépios da Escola Básica de Maceda

Escrito por Webmaster. Publicado em EB 2,3 de Maceda

Na época que atravessamos a presença de um símbolo como o presépio é inquestionável. Nele, onde somos confrontados com um dos significados mais profundos e ternurentos do Natal, a ideia do Presépio como um lugar ou motivo de encontro e de partilha. Quer seja em família quer seja em comunidade, o presépio tem este sentido de ligação e é sempre merecedor de alguma contemplação e reflexão. Assim foi na Escola Básica de Maceda. O átrio da escola foi preenchido pela presença de inúmeros presépios realizados pelos alunos da escola, um ponto de encontro da sua sensibilidade em áreas diversas do conhecimento como as artes e a ciência. As turmas de 5.º ano, por iniciativa das diretoras de turma, em DTA, professoras Brites Marques e Carla Antunes, construíram os seus presépios apelando à participação das famílias e reutilizando materiais vários do nosso dia-a-dia, como forma de (re)utilização de diversos materiais de lixo e desperdício. A turma do 6.º H realizou os seus projetos individuais no âmbito da disciplina de Educação Visual e sob orientação do professor Belmiro Carvalho. No 7.º G, na disciplina de Ciências Naturais com a professora Fátima Lopes e no âmbito do tema «Exploração sustentável das rochas em Portugal» construíram presépios com fragmentos de rochas recolhidas na região e trazidas para a sala de aula para identificação. Salienta-se que para além desta articulação de saberes e sensibilidades a atividade revelou, criatividade, cooperação, partilha, empenho e sobretudo a alegria dos alunos, docentes, assistentes operacionais e de toda a comunidade envolvente. 

Fátima Lopes

Imprimir

A maior Flor do Mundo vista pela turma 7G

Escrito por Webmaster. Publicado em EB 2,3 de Maceda

No seguimento das comemorações do ano do centenário do Prémio Nobel José Saramago, os alunos do 7º G da Escola Básica de Maceda foram convidados a aderir às atividades da Biblioteca «Além das letras». No âmbito da disciplina de Ciências Naturais colaboraram na pesquisa sobre aquela que é a maior flor do mundo e realizaram um cartaz com as características desta espécie botânica. A atividade contou com a colaboração da professora bibliotecária Marta Freitas e a assistente operacional Rosa Maria Leite que construíram um modelo desta espécie à escala real. Este modelo foi exposto no espaço da biblioteca e despertou a curiosidade da restante comunidade escolar.

A professora de Ciências Naturais: Fátima Lopes